segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Livro X Filme: Um gato de rua chamado Bob

Bom Dia Pessoal,

Sou apaixonada por animais de estimação e demorei algum tempo para conhecer a história de James e seu gato Bob. A causa disso foi a falta de tempo, com a vida corrida e várias leituras fui deixando para depois, mas estou feliz por finalmente conseguir dar a atenção devida a essa linda história. Hoje o post é um pouquinho diferente, como li o livro e assisti ao filme vou tentar fazer uma comparação entre os dois, explicando para vocês um pouquinho sobre essa comovente história.

A HISTÓRIA
James e Bob nas ruas de Londres
Em Um Gato de Rua Chamado Bob, primeiro livro lançado em 2013 pela editora Novo Conceito, somos levados a conhecer a história de James Bowen, que é um dependente químico de heroína e vive nas ruas de Londres tentando ganhar a vida tocando violão, porém as coisas não são nada fáceis para ele. 

James consegue entrar em um programa do governo para dependentes químicos, e com isso ganha uma moradia, com a condição de "ficar limpo". Nesse apartamento é que ele encontra Bob. 

Um certo dia, o gatinho aparece ferido na sua porta e James decide cuidar dele. Ele sabe que não tem condições de adotar um animal, então depois de cuidar de seus ferimentos ele o manda embora. Porém, Bob tem outros planos para os dois. 

Os dias vão passando e ele se vê envolvido com esse pequeno ser de quatro patas, eles criam um vínculo tão grande que é impossível viver um longe do outro, e nisso Bob ajuda James a entender o verdadeiro significado da vida.

SOBRE O LIVRO

O livro é bem direto, pois já conhecemos Bob em suas primeiras folhas. James retrata sua convivência com o gatinho, e como ele conseguiu se salvar do vício por causa dele. 

É um livro bem dinâmico e eu adorei acompanhar cada passo da trajetória desses dois, torcendo para que as coisas dessem certo, pois os obstáculos que apareceram no caminho deles eram realmente bem complicados. 

No livro, conseguimos sentir que ele realmente gosta do gato, muitas vezes deixando de comprar comida para ele para alimentá-lo, e conseguimos sentir um pouquinho dessa ligação forte entre esses dois personagens.

Um livro comovente com uma história linda que nos faz repensar a maneira como enxergamos nossa vida.

Onde comprar:


“Eu também me perguntava, às vezes, se Bob e eu havíamos nos conhecido em uma vida anterior. A maneira como nos ligamos um ao outro, a conexão instantânea que fizemos, isso era muito incomum.” 
Página 233


Até o momento existem três livros lançados sobre a história de Bob:

SOBRE O FILME
O filme estreou entre final de 2016 e início de 2017, mas não entrou nos cinemas aqui da minha cidade (talvez eles não achassem que o filme traria algum retorno), então tive que esperar para assistir. 

Gostei da adaptação da história, claro que como é um filme, tem todo aquele ar "Hollywoodiano" e percebi que nele temos um pouco mais de enfoque na história de James, no livro o enfoque é no Bob. Não que isso tenha sido de todo o ruim, porque perceber certas coisas que acontecem no nosso dia-a-dia que acabamos achando normal. Um exemplo são as reações das pessoas sobre James, um morador de rua, muitas nem o olhavam no rosto, isso tudo muda depois que ele adota o bichano


O que impressiona nessa história também são algumas atitudes de certas pessoas que fazem maldades pelo simples fato de machucar alguém, o que realmente é muito triste.

No filme, também temos uma parte mais "romantizada" entre James e a vizinha, que no livro não tem destaque e que na minha opinião não acrescentou tanto assim para história. 
Agora uma parte que é descrita no filme é a relação que James tem com sua família, isso foi interessante de se ver, fico imaginando quantas pessoas não podem estar passando por uma situação semelhante.

Particularidade que gostei no filme é que eles utilizaram uma câmera onde temos a visão do Bob, como ele enxerga seu dono e o mundo e ficou bem legal isso.

Bob dando um jeitinho de conseguir um lanchinho
E uma última curiosidade que gostaria de comentar é que foi o próprio Bob quem interpretou seu papel. Eles tentaram fazer testes com outros gatos, mas nenhum deles se comportava como Bob, por exemplo na frente de cachorros, então ficou para o original fazer o filme.

Não é a coisa mais fofa esse gatinho
Trailer do filme:


LIVRO OU FILME?
Na minha opinião os dois cumpriram bem seu papel em nos passar essa linda história

No livro você vai encontrar algo mais próximo a realidade, mais peripécias do gato e um pouquinho da história de James. No filme você vai encontrar a história de James e como o gato salvou sua vida. 

Concluindo, recomendo os dois. Se conseguirem ler o livro antes, sempre é uma boa dica, porém senão assistam ao filme de qualquer maneira é uma história que vale a pena ser conhecida.
James, Bob e o ator do filme fazendo High Five
E NA VIDA REAL?
Decide pesquisar um pouco mais sobre essa história, porque ficamos nos perguntando como estão James e Bob nos dias de hoje?

Fiquei feliz ao encontrar a resposta. Eles estão bem. Mês passado, estiveram no Japão, acredito eu que divulgando filme e livro. 

Esses dois ainda vão longe.
E nas minhas pesquisas encontrei alguns vídeos originais de James e Bob que vou deixar para quem tiver curiosidade:

Um curto documentário sobre a história feito em 2012 pelo próprio James em Londres:

Abaixo, James e Bob nas ruas de Londres:

E uma entrevista com os dois em fevereiro de 2017 feita por um canal britânico:

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Essa história me emocionou muito. Como comentei no início adoro animais de estimação e o Bob me cativou completamente. Ainda me pergunto como pode existir pessoas que não gostam de animais?

Isso realmente me deixa muito triste. 

Essa é uma história que nos faz parar e pensar sobre esses seres de quatro patas que realmente vem iluminar nosso caminho, e também nos faz refletir em como estamos tratando uns aos outros durante nossa vida. 

Super recomendado!

Não deixem de conhecer a história desses dois, tenho certeza que vocês vão se apaixonar.

32 comentários:

  1. Eu não assisti, mas li a história do Bob e me emocionei.
    Teve algumas partes que até chorei hauihaiuhauihaiuhauih
    É incrível com a vida dos dois se transforaram quando se encontraram <3

    ResponderExcluir
  2. Olá, Raquel.
    Eu amo gatos por isso quando vi esse livro corri ler hehe. E gostei até mais do que achei que gostaria por ser uma história real e não ficção como estou acostumada a ler. Não sabia que o próprio Bob que tinha feito o papel dele no filme hehe. E aqui na minha cidade não veio também, mas se tiver a oportunidade vou assistir.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oie querida!

    Eu, apesar de não ser muito fã de gatos, gostei do filme! Não tem como não ser cativado pela insistência do Bob, dá pra dizer tranquilamente que foi ele que adotou o humano, e não o contrário. E trouxe consigo aquele toque de amor incondicional que só os bichinhos sabem expressar, que na minha opinião foi o que mudou a vida do James. Muito legal o filme!

    Bjus querida!

    ResponderExcluir
  4. Adoro adaptações mas não tenho muita curiosidade com esta porque não sou muito fã de gatos eheh
    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  5. Gostei do post Raquel. Ainda não li os livros, mas acredito que sejam emocionante, tal como o filme. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, menina já tinha ouvido falar do livro, mas nunca parei para me informar sobre. Achei a história do James do Bob linda, e gostei do seu comprativo entre o livro e filme. Assim que possível quero ver e ler. BJs

    ResponderExcluir
  7. Oi, Raquel!
    Eu sou amante dos animais e também não entendo como alguém pode maltratar um bichinho desses. Ainda mais que eles são os únicos que nos amam incondicionalmente e independente do que fazemos para eles, né?! <3
    Eu não li o livro e nem assisti o filme, mas eu estou com o filme em casa para assistir... Vamos ver se consigo assistir logo.
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
  8. Eu já tinha ouvido falar do livro, só pelo título, mas não tinha ideia do que esperar da história. Com isso, estou realmente surpresa em saber que é uma história real, mas principalmente, estou apaixonada em saber que é o verdadeiro gatinho que interpreta no filme.
    Por mais que nem sempre a adaptação literária, alcance as expectativas, sempre procuro algo de bom e gostei de saber que você trouxe os pontos positivos do filme.
    Vou ver se consigo comprar o livro logo (estou sem dinheiro por agora para gastar nas livrarias), na quero muito lê-lo e quero assistir ao filme. Adorei o post e a dica é maravilhosa.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  9. Olá Raquel.;
    Nunca imaginei que a história deste livro era essa, sempre vi uma coisa ou outra, mas nunca li a resenha e confesso que me impressionou. Quando vejo enredos com animais já penso em gato falante, típico de Sessão da Tarde rsrs.
    Adorei a pesquisa que fez sobre livro, filme e vida real, me fez compreender ainda mais do que realmente se trata o livro.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/2017/09/4-list.html

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu tenho os livros, mas por falta de tempo ainda não li. Tenho muita curiosidade com essa história. Adoro animais de estimação e histórias que falem sobre os bichinhos, embora na maioria das vezes me façam chorar.
    Adorei a sua crítica e o comparativo entre livro e filme.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi Raquel! Que bela resenha, ein!
    Eu verdadeiramente amei. Você falou um pouco sobre o livro que inspirou o filme e citou as outraa obras.
    Você falou sobre o filme, pontos que gostou muito e outros que não te cativaram da mesma forma. Por ser uma resenha dupla, achei que ficou muito bem detalhada!!! Sua escrita é ótima e flui muito bem, não fica cansativo de ler.
    Você não deu spoilers, colocou imagens de ótima qualidade. E eu achei muito legal mesmo você ter pesquisado um pouco sobre como o autor está recentemente.
    Só senti falta de uma ficha técnica do livro e filme, mas isso é só um detalhe.
    Seu post ficou maravilhoso, parabéns! ♡

    ResponderExcluir
  12. Oi Raquel!
    Li o primeiro livro assim que lançou e achei uma gracinha. Sempre amei gatos e o Bob é um negocinho tão lindo, como é que a gente não se apaixona, né? Gostei também de conhecer um pouco a respeito de como ele e o James "se conheceram" (aquilo ali foi obra do destino), é muito linda a amizade entre os dois.
    O filme eu não assisti. Também não me lembro dele ter ficado em cartaz nos cinemas daqui. Vou aproveitar o feriadão pra assistir, espero gostar. :)
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Legal que você ficou satisfeita com ambas as vertentes. Estou tão acostumada a ver as pessoas, e eu mesma, reclamando dos filmes adaptados dos livros, que quando vejo uma resenha como a sua fico feliz. Eu, no entanto, não me interessei pelo livro, e por consequêcia, o filme também não me interessa.
    bjs, Rose

    ResponderExcluir
  14. Oi, como vai?
    Acho que nunca li um livro que falasse do relacionamento dos animais de estimação com seus donos, mas eu acho a temática muito legal, sabe? Dar voz a esses animais é muito interessante, já que não podemos de fato saber o que eles pensam. Eu nunca ouvi falar do filme e nem do livro, mas adoraria dar uma conferida na história.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com/

    ResponderExcluir
  15. Oiii, Raquel, tudo bem?
    Sempre via divulgações sobre os livros, mas nunca me interessava. Apesar de amar gatos. Mas depois de todos esses comentários, tá na lista pra conhecer nesse find. Pelo menos o filme hehhe, Eu e meu marido somos loucos por gatos, então acho que vamos curtir muito conhecer esses amigos <3
    Beijoooos
    http://www.profissaoescritor.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi tudo bem?
    Já tinha visto a capa desse livro por aí mas nunca tinha me chamado a atenção gostei bastante da premissa e agora sabendo que virou filme vou dar uma chance a leitura para depois assistir o filme.

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi, Raquel!
    Muito obrigada pela visita ao meu blog, seja sempre bem-vinda! Amei o seu cantinho! <3
    Sobre o livro, eu tenho esses três lançamentos da NC na minha estante, confesso que nunca me interessei em Lê-los, mas agora você aguçou a minha curiosidade, Bob parece ser um gatinho encantador, e só de livrar o dono do vício das drogas, já percebemos que ele é um gatinho muito especial! <3
    Vou procurar o filme pra assistir, fiquei feliz em saber que é o próprio Bob que atua nele! :)

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá!! :)

    Eu confesso que já ouvi falar muito desse livro. Fico curioso, mas ainda não tive oportunidade fazer a leitura ou de ver o filme. Mas gostei da comparação!

    Enfim, acho ótimo que o livro seja bem direto. E também adoro animais de estimação (e os outros.. ahah)!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  19. Olá, ótimo post. Eu ainda não tive a oportunidade de ler o livro nem de ver o filme, mas depois do seu post certamente farei os dois assim que possível. Achei super interessante ser o próprio Bob que o interpretou no filme, esse gatinho é demais.

    ResponderExcluir
  20. Oi Raquel.
    Ganhei o livro "Bob, um gato fora do normal" em um sorteio e estou com ele na estante para ler.
    Ainda não assistia o filme, mas gostei de saber que é filmado como se víssemos o mundo como o Bob vê, o que mais sentido, afinal, o filme é sobre ele.
    Que legal que foi o Bob real que atuou. Esse gato é muito especial mesmo.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  21. Hey, tudo bem?
    Li esse livro há muito tempo e gostei da história, mas tenho ressalvas com relação a algumas partes que não me agradaram tanto assim.
    Os dois, em suma, parecem ser bem parecidos e fiquei contente com as curiosidades. Não sabia que o próprio Bob tinha se interpretado.
    Vou tentar assistir ao filme.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  22. Oie
    Tudo bom?
    Não tive a oportunidade de ler o livro ou ver o filme, mas sempre disse que os animais são capazes de nós transformar e Bob é a prova mais do que concreta disso, mas por sua opinião acho que só leria o livro. Achei bacana saber que o próprio Bob fez seu papel.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi, tudo bem?

    Não sabia que este livro tinha filme rs.. Dei o box pro meu irmão, mas ele não conseguiu se envolver com a leitura.
    Gostei de saber sua opinião, vou fazer a leitura e depois correr na telinha.
    Parabéns pela resenha e pelo blog.

    Beijos e até a próxima.

    ResponderExcluir
  24. Não sabia que esse livro tinha virado filme, mas amei saber que o próprio Bob se interpreta no filme. Que amor deve ser!
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  25. Olá!
    Ja tinha visto essa capa do livro, mas a não tinha lido e nem sabia sobre o que se tratava. Por suas considerações além de ficar com vontade de embarcar nessa leitura e poder ver o filme que demonstra ser repleto de companheirismo.
    Adorei!
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  26. Lembro de ter ficado interessada pelo livro quando soube de seu lançamento, mas não sei porque acabei deixando ele de lado com o passar do tempo.
    Acredita que eu não sabia que haviam lançado um filme? Estou me sentindo muito atrasada hahaha

    Vou dar um jeito de ler logo o livro para na sequência assistir ao filme.

    ResponderExcluir
  27. oiii
    eu sou a loca dos gatos total mas nunca tive muita curiosidade me ler os livros do autor, pois apesar de amar gatos, não é isso que procuro para ler ainda assim bela dica e adorei saber mais sobre o bob e o dono dele

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá!
    Esse gato faz um sucesso né, três livros rs'
    mas confesso que não sou muito fã de gatos, adoro livros com animais, mas esse não despertou meu interesse. Parece ser uma história linda de amizade, e muito emocionante. Quem sabe não assista ao filme.

    beijos!
    https://blogdatahis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  29. Oie amore,

    Adoro esses comparativos de livro X filme.. apesar de que são poucos os filmes que curto.
    Esse ainda não conhecia mas anotei a dica do livro pra ler num outro momento.
    Já vi muitos comentários bons sobre BOB e lendo seu post fiquei curiosa!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  30. Oi! Simplesmente adoro os livros do Bob 😍 Ele mexeu muito comigo, por tratar de uma amizade tão linda assim. Um salvou o outro e fico feliz que estejam tão bem. Que lindo ver que até ator o Bob se tornou haha Mal posso esperar para ver a adaptação para o cinema. Beijos 😘

    ResponderExcluir
  31. Eu tenho um certo receio com esse livro, não sei porque. Mas depois que uma blogueira que eu gosto muito leu e curtiu a história, decidi dar uma chance. Adotei um gatinho a pouco tempo e acho que isso também influenciou essa minha vontade de conhecer um pouco mais sobre Bob. Fico feliz em saber que tanto o filme quanto o livro são bons, aguçou ainda mais a minha curiosidade.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  32. Que gracinha, ainda não conhecia nem o livro nem o filme, mas parecem ser boas histórias. Gosto de temas relacionados a amizade <3
    Beijos

    ResponderExcluir